FOCO


 A esperança não pode se tornar em hipotese alguma acomodação, essa busca pelo que podemos chamar de direção é o que nos leva, ou coloca-nos no caminho a ser seguido. A falta de objetividade é o que leva pessoas loucas tornan-se sãs, e pessoas sãs tornaren-se loucas. Assim seguimos a vida, caindo, levantando, mas sempre de cabeça erguida, vez ou outra um relâmpago nos ilumina e nos acende para uma mudança grandiosa, e isso nos leva a agirmos como agentes opostos a uma sociedade calejada pelas ambições superfulas do poder.


Fernando Duarte "

0 comentários:

Postar um comentário

A MÚSICA NOS CONECTA